BLOG E

NOTÍCIAS

 

O governador de São Paulo, João Doria (PSDB), enviou à Assembleia Legislativa do Estado um projeto de lei que autoriza a concessão à iniciativa privada do Conjunto Desportivo Constâncio Vaz Guimarães, o ginásio do Parque do Ibirapuera, localizado na rua Manoel da Nóbrega, na Zona Sul de São Paulo.

Após o projeto ser aprovado pela Assembleia é que o governo poderá dar andamento ao procedimento licitatório para concessão, que será realizado no modelo de concessão pelo prazo de 35 anos.

Segundo a mensagem enviada à Alesp, o governador defende que foram feitos estudos, pela Secretaria de Esportes, que apontam a necessidade de uma arena coberta, multiuso, para eventos massivos esportivos e culturais, e em que caiba pelo menos 20 mil pessoas. A atual estrutura tem espaço para 10 mil pessoas.

O governador aponta que "há necessidade de modernização do espaço" atual, para que "São Paulo possa se posicionar globalmente em relação a outros destinos quanto a eventos esportivos, de lazer e de entretenimento".

O vencedor da licitação poderá realizar outras obras no local para poder usá-lo da melhor forma possível, e também explorar serviços associados, como bares, restaurantes e lojas.

Quem vencer a licitação terá ainda que modernizar e manter os outros equipamentos do local, como a pista de atletismo, permitindo que a população continue tendo acesso, de forma gratuita, a atividades esportivas e relacionadas à saúde no local.

O projeto de lei segue para avaliação dos deputados na Assembleia.

 

A Disney concluiu nesta quarta-feira (20) a compra da 21st Century Fox, a divisão de entretenimento da Fox, pelo valor de US$ 71,3 bilhões após ter recebido o sinal verde dos órgãos reguladores de vários países.

A operação abre caminho para o surgimento da maior empresa de entretenimento do mundo, que terá sob seus cuidados conteúdos como Star Wars, Os Simpsons, Avatar, além dos personagens da Marvel.

A Disney assume todo o departamento de filmes da 21st Century Fox, incluindo a 20th Century Fox, a Fox Searchlight Pictures, a Fox 2000 Pictures, a Fox Family e a Fox Animation; bem como suas unidades de produção para TV, com a Twentieth Century Fox Television, Fox21, FX Productions, National Geographic, Fox Networks Group International, além da Star India e dos ativos da Fox em Hulu, Tata Sky e Endemol Shine Group.

A aquisição e os conteúdos abrem caminho para o lançamento previsto para este ano do serviço de 'streaming' da Disney, que se chamará Disney+, e terá a missão de concorrer com a Netflix, a plataforma líder do setor.

"A combinação da riqueza de conteúdos criativos e talentos comprovados da Disney e da 21st Century Fox dará à companhia de entretenimento global uma ótima posição para liderar em uma era incrivelmente dinâmica e transformadora", disse em comunicado o executivo-chefe de Disney, Bob Iger.

Apesar da venda da divisão de entretenimento, o até agora proprietário do império Fox, o magnata Rupert Murdoch, manterá a propriedade da Fox News e do Fox Sports 1 (FS1), reunidos sob a Fox Corporation, com foco em notícias e esportes.

 

No final de 2017, a Disney ofereceu US$ 52,4 bilhões pela operação fechada hoje, mas uma proposta da Comcast à Fox no valor de US$ 65 bilhões obrigou a companhia a elevar a oferta até US$ 71,3 bilhões, o que equivale a US$ 38 por ação.

As condições da operação permitem aos acionistas da 21st Century Fox escolher entre receber US$ 51,57 em dinheiro por ação ou trocar cada título pelo equivalente a 0,45 ação do novo conglomerado Disney.

 

Prefeitura do Município de Jaguariúna

Rua Alfredo Bueno, 1235 - Centro

CEP: 13820-000

Tel: (19) 3867-9700

E-mail: atendimento@jaguariuna.sp.gov.br

Rádio Educativa do Município de Jaguariúna

Tel: (19) 3867-2849

Tel: (19) 3867-4227

Desenvolvimento e Manutenção

Departamento de Comunicação

E-mail: comunicacao@jaguariuna.sp.gov.br

© 2018 Rádio Estrela FM. Todos os Direitos Reservados.